As crianças que falam farsi (língua persa) no Irã, Tajiquistão e até na Turquia têm chamado o programa Golpand para orar pelo mundo e encorajar um ao outro durante a pandemia em curso. Continuando a transmitir programas ao vivo, o canal SAT-7 PARS está ajudando os falantes persas a permanecerem conectados, mesmo que isolados.

As orações das crianças persas ecoam a verdade do evangelho quando elas são transmitidas ao vivo pelo programa infantil Golpand (Conselho Dourado) do canal SAT-7 PARS. Sua esperança e confiança brilham enquanto falam com Pai Celestial ao vivo.

“Santo e Todo-Poderoso Deus, nós te damos graças por nos dar tanto tempo para que possamos adorá-lo. Querido Pai, cremos que o Senhor vive e que você ressuscitou dos mortos. Oro pelo Irã, pela Itália, pela Espanha e pela América e por todos os países, para que este vírus seja erradicado. Oramos para que durante esses dias de quarentena tenhamos revelações e algumas coisas se tornem claras para nós. Querido Pai, oramos para que você nos encha com o Espírito Santo”, orou Yahya, um jovem garoto iraniano que agora vive na Turquia.

“Recebemos muitas ligações de nosso programa de crianças dentro e fora do Irã, e muitas delas pedem para orar ao vivo”, compartilha Mariam, uma das apresentadoras do Golpand. “Quando ouço uma criança orando ao Pai Celestial, meu coração derrete e me sinto muito emocionado. A maneira como oram pelo Irã, pela SAT-7 e as coisas que pedem a Deus, me faz pensar em como essas crianças estão orando como adultos.”

Um desses espectadores era Ramten, um jovem garoto no Irã, que orava; “Jesus foi crucificado por nós e Ele levou nossos pecados sobre Si e ressuscitou depois de três dias. Ó Deus Poderoso, Senhor Jesus Cristo, oro porque precisamos da tua bênção, assim como as pessoas no Irã e em outros países; destrua este coronavírus por sua bênção e conceda sua glória e bênção a todos. No santo nome de Jesus Cristo, amém.

Baran, uma jovem garota no Irã também ligou para o programa ao vivo e compartilhou a seguinte oração:

“Todos os dias em quarentena, oro para que ninguém no Irã ou no mundo fique triste, que nenhum de nós venhamos chorar, e se chorarmos, serão lágrimas de alegria. Vamos orar para que ninguém perca a esperança na vida e se alguém perder a esperança, que Deus lhes dê esperança e outra chance, como essas pessoas que estão doentes e têm o coronavírus. Oro para que Deus responda minhas orações de acordo com a sua vontade.”

Durante a pandemia de coronavírus, Mariam observou um crescimento espiritual entre seus espectadores. “Posso dizer que nossos espectadores se tornaram mais fiéis a Deus com tudo o que está acontecendo”, ela reflete. “Eles oram mais, passam mais tempo com Deus e acreditam que o único que pode fazer milagres é Deus.”

Glorificando a Deus e dando graças durante esses tempos de escuridão, as orações e mensagens das crianças são cheias de encorajamento uma pela outra.

“Olá querida tia e todas as crianças adoráveis ​​em casa”, orou um jovem garoto no Irã, dirigindo-se a apresentadora do Golpand Mariam e aos telespectadores. “Onde quer que vocês estejam, estejam saudáveis, felizes, alegres e cheios de energia. Oro para que o Senhor tire essa praga que veio ao mundo e que todas as pessoas do mundo estejam salvas do coronavírus. Oro onde quer que você esteja no mundo, para que se lembre do Senhor. Deus esteja com você e proteja você. Eu amo todos vocês.”

Jaleh, uma garota do Tajiquistão também compartilhou esse incentivo prático com seus colegas em um episódio recente do programa: “Quero dizer às crianças que estão em casa durante o período de quarentena, que fiquem em casa e lembrem-se de quando sairmos manter distância social, e eu amo muito todos vocês.

O programa Golpand, do canal SAT-7 PARS, ensina jovens crianças falantes do farsi mensagens bíblicas básicas por meio de jogos, histórias, esquetes e segmentos educacionais, apoiando-os em suas vidas e fé diariamente. No entanto, o relacionamento que se desenvolveu entre os apresentadores do programa e as crianças é uma via de mão dupla. “As palavras não podem descrever o sentimento que tenho por essas crianças e quanta energia elas me dão toda vez que ouço suas vozes”, explica Mariam. “Essas crianças tornaram minha conexão com Deus mais forte, porque, ao aprender com o nosso programa, também estamos aprendendo com elas. O esforço que eles fazem toda semana para nos ligar e conversar sobre nossos assuntos é incrível. Agradeço a todos vocês, nossos apoiadores e a SAT-7, por me darem a chance de conhecer todas essas crianças!”